VARIAÇÃO DE PREÇOS NO HORTIFRUTI (38ª SEMANA – 19/09 à 25/09/2021)

Categoria: Geral | Publicado: terça-feira, setembro 28, 2021 as 07:58 | Voltar

EM ALTA

TOMATE LONGA VIDA   – CAIXA DE 25KG  

O tomate é uma fruta, apesar de normalmente ser usado como legume em saladas e pratos quentes. O tomate tem como principal benefício para a saúde ajudar a prevenir o câncer, principalmente o câncer da próstata, porque é composto por boas quantidades de licopeno, que está muito mais disponível quando o tomate é cozido ou consumido em forma de molho.  Entre os principais estados produtores de tomate para consumo in natura destacam-se São Paulo, Minas Gerais, Goiás, Bahia, Paraná e Santa Catarina. Os assentamentos de (MS) Nova Alvorada, Sidrolândia, Jaraguari e Campo Grande contribuem para o abastecimento CEASA/MS. A alta no preço do tomate deve se pela falta do tomate na praça, estoques baixos, muitos tomates colhidos verdes pela falta do produto, mais os preços dos combustíveis tudo isso colabora para o aumento do tomate nesse período. Essa alta representou +25% a caixa de 25 kg Custava R$80,00 passou a custar R$100,00 variando de R$3,20 para R$4,00 no CEASA/MS.

QUIABO   – CAIXA DE 15 KG

O quiabo é um vegetal pobre em calorias e rico em fibras, sendo uma ótima opção para incluir em dietas de emagrecimento. Além disso, o quiabo também é bastante utilizado para auxiliar no controle do diabetes, pois ajuda a regular os níveis de açúcar no sangue. Consumir o quiabo ajuda a fortalecer os ossos e prevenir fraturas porque ele é fonte de vitamina K. A India maior produtor do mundo, e no Brasil maior produtor é o estado Canindé – ES. Os assentamentos da região (Terenos, Dois Irmãos, Jaraguari ,Campo Grande e Rio Negro ) colaboram para o fornecimento do quiabo aqui dentro do CEASA/MS. O preço do quiabo está em alta devido a falta do produto, e muita procura. Tempo seco afeta o desenvolvimento do quiabo. Essa alta representa +14,29% preço médio Caixa de 15 kg Custava R$140,00 passou a custar R$160,00. Preço Comercializado CEASA/MS que era de R$9,33 para R$10,67 o quilo nesse período.

BANANA NANICA  – CAIXA 23 KG

A Banana Nanica contém consideráveis quantidades de vitaminas B e C, além de ser alcalina, neutralizando a ação de ácidos no organismo. A vitamina C dá a resistência aos vasos sanguíneos, evitando a fragilidade dos ossos e dentes, agindo contra infecções e ajudando a cicatrizar ferimentos. São Paulo ocupa o primeiro lugar no ranking, respondendo por 15,7% do total produzido em 2018; na sequência aparecem Bahia (12,2%), Minas Gerais (11,3%) e Santa Catarina (10,5%). Foi-se o tempo em que preço de banana era sinônimo de produto barato. Depois do arroz e do óleo de soja, agora é o valor do produto que assusta os consumidores. A fruta foi o terceiro item da cesta que sofreu o maior reajuste entre agosto e setembro: 16,99% de aumento, perdendo apenas para o óleo de soja (29,27%) e o arroz (27,71%). A Banana Acompanhou a inflação, alta dos Combustíveis se manteve. Preço médio caixa de 23 kg Custava R$60 passou a custar R$65,00. Preço Comercializado CEASA/MS que era de R$2,61 para R$2,83 o quilo nesse período.

BERINGELA   – CAIXA DE 13 KG

A beringela é o fruto da planta Solanum melongena. A definição botânica explica que frutos têm ovários amadurecidos de uma planta, onde ficam as sementes. São Paulo é o maior produtor de berinjela do país, com 42% da safra. Os assentamentos de Campo Grande, Terenos, Jaraguari, Rio Negro e Sidrolândia também contribuem para o abastecimento aqui no CEASA/MS. A berinjela na semana passa estava com o preço bem abaixo do praticado devido ao aumento da oferta, grande quantidade em estoque, já Nessa semana o preço se normalizou, preço médio da caixa custava R$35,00 passou a custar R$45,00 uma alta 28,57% variando de R$2,92 para R$3,75 o quilo no CEASA/MS.

Não houve baixas significativas nos produtos nessa semana.

 

Publicado por: Fernando Begena e Hagar Nascimento

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.